CIENTISTAS CRIAM RAIO TRATOR DE STAR TREK FUNCIONAL

Ainda estamos longe de captura de naves e detritos espaciais, mas este micro raio trator pode ajudar a revolucionar a medicina.

Uma equipe de pesquisadores da Escócia e República Tcheca criaram um dispositivo que consegue puxar partículas microscópicas de matéria, usando campos óticos e raios de luz configurados de forma “especial”. Em suma, é a mesma funcionalidade do raio trator de Star Trek, mas de forma microscópica.

O equipamento usa um espelho e uma lente para focar um laser na forma de um X. No ponto onde o laser cruza consigo mesmo, os fótons interferem uns com os outros, e fazem o movimento contrário dos fótons contra a matéria. Quando estes fótons são espalhados, interferindo entre si, a matéria no centro se move para trás, em direção à fonte de luz. Normalmente, luz movendo em uma direção simplesmente empurraria as partículas.

Por enquanto, as aplicações estão limitadas a pequenos objetos. Aumentar a escala (para mover objetos maiores) poderia fazer com que a carga carregada virasse pó — já que o raio trator viraria praticamente um laser militar.

A equipe torce para que uma versão aplicada e não-experimental dessa tecnologia possa ser usada para criar testes médicos mais efetivos. A habilidade de mover objetos pequenos individualmente poderia ajudar a entender, por exemplo, os vários componentes do sangue ou células do corpo humano.

Tomas Cizmar, um dos pesquisadores, ainda afirma que suas ideias também podem ser aplicadas para movimentar partículas usando o som:

“Por causa das similaridades entre a manipulação de partículas via ótica e acústica, nós antecipamos que este conceito providenciará inspiração para áreas fora do campo da fotônica.”

Pensando exageradamente? Graças ao micro raio trator de Star Trek, podemos ter uma chave de fenda sônica de Doctor Who.


Sobre reitigre

Tigre, tigre, brilho incandescente dentro das florestas à noite Que imortais mãos ou olhos Poderiam moldar tão temível simetria? Em que distante profundezas ou céus Queimam o fogo dos teus olhos? Em que asas veio essa chama? Que mãos ousam tocar nesse fogo? E qual ombro e qual arte? Poderia mudar as fibras do teu coração? E quando teu coração começou a bater Qual horrível mão teria forjado seus pavorosos pés? Qual martelo? Qual corrente? Em que fornalha estava teu cérebro? Que bigorna? Que terrível abraço Ousou conter teu horrível terror? E quando as estrelas desferiram seus raios, e inundaram os céus com as lágrimas delas, Ele sorriu por Seu trabalho ver? Aquele que criou o cordeiro também Te fez? Tigre, tigre, brilho incandescente dentro das florestas à noite Que imortais mãos ou olhos Ousaram moldar tão temível simetria?
Esse post foi publicado em Ciências e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s