Os Leprechauns

Assim como milhares de criaturas mágicas, o Leprechaun é uma espécie de hominídeo fantástico de tamanho diminuto (entre 30 e 50 cm) que usa roupas verdes acompanhadas de um chapéu de três pontas, sapatos com fivelas e um barrete avermelhado, sem contar o seu avental de couro usado durante o trabalho. Passa integralmente seu tempo consertando e/ou fabricando sapatos de criaturas mágicas como fadas e outros duendes. Geralmente conserta exclusivamente o pé esquerdo dos calçados. Pode ser encontrados e reconhecidos pelo barulho das suas marteladas quando estão trabalhando nas florestas europeias, em meio às folhas de labaça ou arbustos. Dizem que essa atual visão dos Leprechauns surgiu no século XIV a partir de uma espécie de duende muito antiga e típica do folclore irlandês medieval.
A palavra Leprechaun provavelmente vem do Gálico luacharma’n, significando meio-corpo (alusão à característica do tamanho pequeno) ou leith brogan que significa sapateiro.
Temos que frisar a questão do Tesouro dos leprechauns que se gabam por guardar um enorme pote de ouro (às vezes vários potes). Muitos aventureiros caçam tais criaturas em busca de suas riquezas, mas capturar um leprechaun não é uma tarefa nada fácil, pois eles possuem uma habilidade incrível para fugir e se safar de situações de perigo. Em uma piscada de olhos ele pode sumir no ar deixando o aventureiro de mãos vazias. Quando acontece de serem pegos prometem levar os aventureiros ao tão desejado tesouro, no entanto leva-o para o meio da floresta e lá desaparece deixando o pobre (literalmente) aventureiro perdido e sem dinheiro. Seu ouro é um presente raríssimo de ser conseguido, pois o dão somente aos seus melhores amigos, ou àqueles que salvarem sua vida.
Há quem diga que são possuidores de uma moeda de prata que é usada para pagar as pessoas, porém tal objeto possui o poder de voltar ao bolso do astuto duende automaticamente. Ainda carregam consigo trifólios como símbolo de boa sorte e proteção.
Como já foi dito é uma criatura típica do folclore irlandês. Conhecido lá como um homem pequeno de roupas verdes, simpático, com barbas e um cachimbo na boca. Seu trabalho é exclusivamente fabricar e consertar sapatos, e dizem que só fazem um par por ano. Temem os humanos e não os gostam, pois esses são tidos pelos leprechauns como seres malvados. Quando reconhecem um humano de boas intenções recompensam-no com um belo par de sapatos, feitos com capricho e utilizando materiais naturais como folhas, flores e gotas de orvalho. Além do cachimbo, jamais saem desacompanhados do seu velho e surrado martelo.

Podem ser vistos também rodopiando de cabeça para baixo, sendo a ponta do chapéu usada como eixo de rotação. Alguns são confundidos com os Cluricauns, uma espécie de duende que invade adegas e passam a noite se esbanjando com vinho. Outros autores dizem que são os mesmos seres, sendo o Cluricaun o Leprechaun que vive em adegas roubando vinho.


Sobre reitigre

Tigre, tigre, brilho incandescente dentro das florestas à noite Que imortais mãos ou olhos Poderiam moldar tão temível simetria? Em que distante profundezas ou céus Queimam o fogo dos teus olhos? Em que asas veio essa chama? Que mãos ousam tocar nesse fogo? E qual ombro e qual arte? Poderia mudar as fibras do teu coração? E quando teu coração começou a bater Qual horrível mão teria forjado seus pavorosos pés? Qual martelo? Qual corrente? Em que fornalha estava teu cérebro? Que bigorna? Que terrível abraço Ousou conter teu horrível terror? E quando as estrelas desferiram seus raios, e inundaram os céus com as lágrimas delas, Ele sorriu por Seu trabalho ver? Aquele que criou o cordeiro também Te fez? Tigre, tigre, brilho incandescente dentro das florestas à noite Que imortais mãos ou olhos Ousaram moldar tão temível simetria?
Esse post foi publicado em História e marcado , , . Guardar link permanente.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s